domingo, 10 de agosto de 2014

Análise PS3 - inFamous

http://psgamespower.blogspot.com/2014/08/analise-ps3-infamous.html
Este sim é um jogo que irá satisfazer todos os fãs de jogos de acção, do género free roam tipo o GTA ou simplesmente para aqueles que gostam de uma boa história, recheada de acção e de muitas escolhas pelo caminho.

Começamos com o Cole no centro de uma explosão que acabou de arrasar a zona histórica de Empire City, no inicio não parece que vá acontecer grande coisa mas quando avançamos mais um bocado vemo-nos no meio de uma guerra por poder entre Reapers, Homens Lixo e Primogénitos, nem tudo é fácil mas logo no inicio vem a primeira escolha kármica, o governo decidio pôr a cidade em quarentena devido à explosão, a comida começa a ser escassa, e passado pouco tempo a cidade começa a desfazer-se, mas ai aparecemos nós, o gajo que vai salvar esta cidade, ajudar os fracos e os indefesos, ou que vai governar através do medo e eliminar todos aqueles que se atravessarem no nosso caminho.

Bem, a grande novidade que este jogo trás às consolas (pelo menos de todos os jogos que joguei, é o primeiro em que esta funcionalidade está realmente em envidencia) é podermos optar por salvarmos os cidadãos ou simplesmente ignorar o seu sofrimento, temos escolhas que afectam o nosso karma e os nossos poderes, a primeira escolha como já referi aparece logo no inicio do jogo, passados alguns dias depois da explosão ter acontecido, o governo envia um avião sobrevoar a cidade que larga provisões num parque na zona Neon, e juntamente com o seu melhor amigo Cole dirige-se para o parque, ao chegar lá temos de subir uma estátua pois as caixa com as provisões ficaram presas, depois de as soltarmos temos uma escolha ou fritamos algumas pessoas que se aproximam das caixas usando raios ou deixamos que elas as abram e partilhamos as provisões, as escolhas irão definir como a história irá decorrer, e a maneira como a cidade fica no final e como os cidadãos nos vão olhar, para aqueles que tiverem paciência suficiente, fazer o jogo duas vezes fazendo as escolhas boas numa e as escolhas más na outra.

É claro que posso revelar que os poderes maus são bem mais tentadores que os bons, por exemplo a granada de raios má ao embater numa superfície desfaz-se noutras mais pequenas, a principal explode e as restantes explodem a seguir causando grandes danos, enquanto a granada de raios boa não se desfaz em outras mas tem uma explosão mais controlada.

Posso dizer que este é um jogo que vale a pena ser jogado, com gráficos espectaculares, e uma inteligência artificial muito bem construída, podemos mesmo dizer que melhor do que isto só se acontecesse na realidade.

Só para esclarecer quem ainda não sabe, os Reapers são um gangue controlado por Sasha, uma vilã com poderes que a seguir à explosão consegue controlar as pessoas usando uma espécie de alcatrão, os Homens Lixo nascem a seguir à explosão, liderados por Alden que era suposto ser o líder dos Primogénitos a seguir ao seu pai, mas que foi retirado do poder pelo Kessler, Alden tem poderes psíquicos, consegue transformar uma pilha de lixo num robô gigante por exemplo, mas agora já velho e com os seus poderes amplificados devido à explosão, ele procura vingança contra Kessler, e por fim temos os Primogénitos, os Primogénitos são um grupo bastante antigo, já na idade média eles existiam, procuram uma maneira de fazer evoluir a raça humana para outro nível, e procuram pessoas com habilidades especiais, Alden era suposto ser o seu actual líder mas Kessler apareceu retirou Alden do poder, não irei revelar mais sobre Kessler, irão ter uma grande surpresa no fim do jogo.

No meio das várias missões principais e missões secundárias ainda temos os troféus do jogo posso dizer que o troféu de Platina vai ser um desafio e pêras.

Posso dizer que adorei passar este jogo, com uma história rica em acção, paixões e traição, este sim tem tudo para ser um vencedor entre os outros jogos.



0 comentários:

Enviar um comentário

Recebe a Nossa Newsletter

FantasPT. Com tecnologia do Blogger.
UA-43693560-1