Análise Nintendo Switch - Sparkle 3 Genesis

Sparkle 3 Genesis, basicamente um jogo que a meu ver se centra em ser algo ao nível de experiências como Flow ou Flower, talvez não com a mesma qualidade final ou despertar de interesse, mas mesmo assim consegue manter uma linha a meu interessante dentro do tipo de conteúdo que tenta passar, que pode no final talvez tornar-se algo repetitivo.


Em Sparkle 3 Genesis somos postos no papel de um micro organismo basicamente, e nadamos num oceano repleto de glóbulos vermelhos, azuis e verdes que temos de consumir de maneira a evoluir de nível e a poder gastar os mesmos por pontos de atributos, chamemos-lhes assim, sendo que estes glóbulos funcionam no fim do dia quase como elementos que vão ajudar a definir a nossa aparência e habilidade disponível como fazer um dash, ou um efeito de aspirar vários glóbulos ao mesmo tempo que estejam junto a nós nos cenários, basicamente a ação toda de Sparkle 3 gira em torno disto, andar a navegar cenários de oceano, com várias camadas que podemos passar entre elas por pequenos vórtices no cenários e fazendo uso dos gatilhos da Switch, ZL para subir de camada e ZR para descer. Pelo caminho vamos ainda batalhar outros micro organismos para limpar certas zonas deles, ou limpar os “ninhos” dos mesmos, e afins.


No fim do dia a maneira de avançar de nível em nível, é completar demandas que nos são passadas por pontos brilhantes, demandas que vêm como se fossem de um ser que deverá ser um todo poderoso criador. Apesar de isto tudo se calhar se poder pensar que se desenvolve em algo mais interessante, a realidade é que nem por isso, a ideia final do jogo a meu ver é conseguir passar uma experiência calma e relaxante, e nesse campo consegue atingir o seu objetivo, desde o seu estilo visual que passa por ter uma imagem suave e calma, com uma banda sonora a acompanhar, a passar algum sentimento mais místico talvez.


Não é um jogo que haja muito para dizer, ele é o que é, pena é a jogabilidade não se conseguir desenvolver em algo mais dinâmico por vezes, pois para o tipo de experiência que nos dá em parte iria precisar, de resto consegue atingir os seus objetivos, e tendo tudo isto em conta, consegue ser uma experiência calma, relaxante e algo satisfatória, mas talvez um pouco repetitiva a certa altura, e tendo tudo isto em conta consegue numa escala de 1 a 10 ser um sólido 7.

Comentários